6 de jan de 2011

Surdez




Um homem telefona para o médico e marca uma consulta para a sua mulher.

A atendente pergunta:
-Qual o problema de sua esposa?
Surdez. Não ouve quase nada!, responde o homem.

E a atendente continua:

-OK, mas antes de trazer sua mulher, faça um teste, para facilitar o diagnóstico do médico. É assim: sem que ela esteja olhando, fique de longe e fale com ela em tom normal, até descobrir a que distância ela consegue ouvir. Então, no dia da consulta, o senhor diz ao médico a que distância estava quando ela o escutou. O senhor entendeu?

-OK!, respondeu ele.

À noite, quando a mulher estava preparando o jantar, o homem decidiu fazer o teste. Mediu a distância que estava em relação à mulher. E pensou: "estou a 15 metros de distância. Vai ser agora!"

-Julia, o que temos para jantar?, silêncio total.

Ele se aproxima mais um pouco.

-Julia, o que temos para jantar?, silêncio de novo e ele fica a uma distância de 3 metros.

-Julia, o que temos para jantar?, e nada ainda...

Por fim, o homem quase encosta na mulher e volta a perguntar:


-Julia! O que temos para jantar?

-Frango, caramba!!! É a quarta vez que eu respondo!

Normalmente, na vida, pensamos que as deficiências são dos outros e não nossas. Pensem nisso!









Reações:

0 comentários:

Postar um comentário